Avaliação Instrumental de Cor


Qual o tipo de instrumento mais adequado para as suas aplicações e necessidades operacionais?

Instrumentos de avaliação de cores são ferramentas eficazes para identificar atributos de cores, inconsistências ou desvios de um padrão. Amplamente utilizado em laboratório, pesquisa e desenvolvimento, controle de qualidade e processos de produção, existem dois tipos principais de instrumentos de avaliação de cores: colorímetros e espectrofotômetros. Ambos medem a cor de um objeto ou amostra; no entanto, suas capacidades e características são muito diferentes. Este documento detalha as diferenças entre colorímetros e espectrofotômetros para ajudá-lo a decidir sobre o instrumento que melhor se adapta à sua aplicação e necessidades operacionais.

Colorímetros x Espectrofotômetros
Colorímetros Espectrofotômetros
Avaliam a cor de um objeto usando um Sensor Tristímulus, baseado em filtros que medem os três
componentes da luz que correspondem à percepção do olho humano – vermelho – verde – azul (RGB)
Avaliam a cor de um objeto usando um sensor espectral, que gera uma curva de refletância ou transmitância do objeto em todo o espectro visível.
Espaços de cor: a cor de um objeto pode ser exibida numericamente
em diferentes espações de cor, incluindo L*a*b, Yxy e etc.
Espaços de cor: a cor de um objeto pode ser exibida numericamente em diferentes espações de cor, incluindo  L*a*b, Yxy e etc.
Dados colorimétricos: Exibe a cor numericamente dentro de um espaço de cor tridimensional.
As diferenças de cor entre o padrão e a amostra também podem ser apresentadas numericamente. Não fornece valores espectrais.
Dados colorimétricos: Exibe a cor numericamente dentro de um espaço de cor tridimensional.
As diferenças de cor entre o padrão e a amostra também podem ser apresentadas numericamente. Fornece valores e gráficos espectrais.
Observador padrão: avalia a cor conforme o observador padrão 2 graus da CIE, garantindo condições ideais em cada medição. Observador padrão: avalia a cor conforme os observadores padrão 2 e 10 graus da CIE, garantindo condições ideais em cada medição.
Iluminantes: Dados de um iluminante padrão  CIE quer seja C (sem ultravioleta)  ou D65 (com ultravioleta) Iluminantes: Os dados de vários iluminantes padrão CIE são armazenados na memória do
espectrofotômetro permitindo assim o cálculo de cor de um objeto em vários iluminantes diferentes (Luz do dia, Incandescente, Fluorescente)
Avalia com precisão cores com pouca saturação: ideal para comparar amostras opacas. Avalia cores com baixa e alta saturação, ideal para avaliar cores opacas, translúcidas e transparentes.
Não mede metameria ( mudança de cor em função do iluminante) Avalia metameria com precisão verificando se um par de amostras muda de cor com a alteração dos iluminantes.
Ideal para inspeções de controle de qualidade Ideal para controle de qualidade, desenvolvimento e formulação de receitas de cor.
Espectrofotômetros de bancada x Espectrofotômetros portáteis
Espectrofotômetros de Bancada Espectrofotômetro portátil
Ideal para laboratórios e áreas de pesquisa e desenvolvimento. Ideal para controle de qualidade, linha de produção e outros departamentos que necessitam de portabilidade

A Konica Minolta Sensing oferece várias opções de espectrofotômetros portáteis e de bancada, bem como colorímetros que se adaptam às diferentes aplicações da indústria.

Espectrofotômetro CM-26dG: O modelo CM-26dG é um espectrofotômetro de esfera portátil com um sensor de brilho a 60 graus integrado que permite realizar medições distintas de cor e aparência em um mesmo instrumento.
Colorímetro CR-400: O medidor de cor CR-400 é um instrumento portátil desenvolvido para avaliar a cor de objetos com superfícies lisas e uniformes.
Colorímetro CR-410: O medidor de cor CR-410 é um instrumento portátil desenvolvido para a avaliação de cores em objetos com superfícies irregulares.

Blogs de Medição de Cor


Blogs de Medição de Luz & Monitores


Privacy Preference Center