Como harmonizar cores em toda a cadeia de produção


Como maximizar a correlação inter-instrumento para cumprir normas de forma mais eficiente e produzir produto final com aparência consistente

Quando existem várias usinas, linhas de produção ou fornecedores envolvidos na fabricação de um produto, muitas vezes pode ser um desafio fabricar um produto final consistente através de um processo eficiente. Isto é ainda mais desafiador quando diferentes modelos de instrumentos de medição de cor são usados, podendo levar a inconsistências e a incapacidade de atender às especificações do fabricante durante as inspeções de qualidade. Por conta desse maior risco de retrabalho, desperdício e rejeição, é recomendado usar o mesmo modelo de instrumento internamente e em toda a cadeia de produção.

Maximizando a correlação inter-instrumento para consistência da cor

Definido nas especificações de cada instrumento, o valor da correlação inter-instrumento dá aos usuários uma compreensão de quão próximos dois ou mais instrumentos do mesmo modelo vai ler a mesma cor. Ao medir uma amostra com a mesma cor, por exemplo, dois instrumentos do mesmo modelo devem fornecer resultados de medição (por exemplo, L a* b* absoluto ou valores de diferença de cor) mais próximos entre si do que dois instrumentos de modelos diferentes. Quanto menor o valor da correlação inter-instrumento mais próximo o resultado será.

Com um instrumento em um local fazendo medições de forma consistente com os instrumentos em outros locais, valores e especificações de cores podem ser comunicados, compartilhados, e coordenados perfeitamente em todas as plantas. Fabricantes e fornecedores podem ter certeza de que cada amostra estará de acordo com o padrão de cor definido e o produto final será uniforme em cor através de um processo mais moderno e eficiente. Para garantir que a correlação inter-instrumento é maximizada dentro de suas operações, métodos de avaliação de cor padronizados devem ser definidos e seguidos, incluindo:

  • Modelo, tipo e geometria do instrumento
  • Iluminantes padrão
  • Observador padrão
  • Ângulo de visão
  • Espaço de cor
  • Preparação de amostras e métodos de apresentação
  • Condições de iluminação para avaliações visuais

Se um fornecedor ou fábrica local não segue estes métodos padronizados, os erros e divergências podem ocorrer e a correlação inter-instrumento não será capitalizada. Essa falta de padronização, bem como outros fatores, podem resultar em diferenças de cor perceptíveis entre uma amostra e o padrão, mesmo quando o valor da correlação inter-instrumento é aproximado. As especificações e procedimentos estabelecidos para o processo de qualidade da cor de sua aplicação devem ser documentados e compartilhados internamente e em toda a sua cadeia de produção. Isto garante que todas as partes envolvidas com a fabricação de um produto irão aderir às mesmas diretrizes para manter a consistência de cor, precisão e eficiência em toda as suas operações.

Para aprender a implementar um processo de qualidade de cor eficaz em toda a sua cadeia de produção, entre em contato pelo número gratuito 0800 020 1565 ou por email

Blogs de Medição de Cor


Blogs de Medição de Luz & Monitores


Privacy Preference Center